A carregar Eventos

« Todos os Eventos

  • Este evento já decorreu.

CONVERSA / ONLINE: Territórios Periféricos e Criação Contemporânea #1 – Paula Mota Garcia

Maio 22 - 16:00

A criação contemporânea assume um caráter central na programação do gnration. Das propostas expositivas ao programa de música, passando pela encomenda de novos trabalhos artísticos, o agora e o amanhã são o mote da sua atividade. Com o intuito de promover uma reflexão sobre o que significa desenvolver programação centrada na contemporaneidade fora dos dois grandes polos urbanos do país, o gnration apresenta o ciclo de conversas Territórios Periféricos e Criação Contemporânea. Ao longo do ano, num conjunto de conversas de carácter informal receberá personalidades e estruturas que, atuando noutros pontos geográficos, desenvolvem um trabalho que cruza estas duas dimensões. A moderação de cada conversa estará a cargo do jornalista Samuel Silva, colaborador no jornal Público.

Paula Mota Garcia
Coordenadora da equipa de missão évora 2027 e ex-diretora do teatro viriato

Coordenadora da equipa de missão da candidatura de Évora a Capital Europeia da Cultura em 2027, Paula Mota Garcia tem feito um percurso profissional, sobretudo, na área da programação cultural enquanto estratégia de desenvolvimento de territórios e de públicos.
A par do desenvolvimento de conceitos que relacionam a arte com outras escalas da dimensão humana, como a educação ou a economia criativa, tem coordenado vários projetos de intervenção artística em comunidades específicas e trabalhado com outros programadores, nomeadamente, na criação/consolidação de redes de programação, ao nível regional e nacional, tendo estado, diretamente, envolvida na criação da PERFORMART – Associação para as Artes Performativas em Portugal (outubro 2016). Releve-se ainda o desenvolvimento de parcerias com empresas, contribuindo para o aprofundamento do mecenato cultural em Portugal. Até março de 2020, foi diretora-geral e de programação do Teatro Viriato (Viseu, Portugal), instituição com quem colaborou desde 1999, tendo recebido em setembro de 2019, pelas mãos de Sua Excelência o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o título de Membro Honorário da Ordem do Mérito, atribuído ao CAEV/Teatro Viriato, a propósito dos seus 20 anos de atividade. Nos últimos anos tem sido convidada para proferir comunicações em conferências/encontros de âmbito nacional e internacional, bem como para a redação de textos para edições em torno da sua experiência nas artes performativas.